Empresário cria robô que ajuda na prevenção contra a cegueira

separator
Compartilhar

Com dimensões continentais, o Brasil tem 5.500 municípios mas 85% deles não dispõem de médico oftalmologista. Diante dessa realidade, o empresário gaúcho Juliano Santos decidiu criar o Adam Robô, que realiza testes de acuidade visual, verifica e mapeia a capacidade do olho em distinguir detalhes espaciais, identificando o contorno e a forma dos objetos.

A solução nasceu para ser um apoiador dos médicos, atendendo na prevenção, descoberta, orientação e recomendação para um próximo passo, caso necessário. O nome do robô é uma homenagem ao avô do inventor, Adão, e foi resultado de 33 anos de estudos e pesquisas na área de ótica.

Desenvolvido inteiramente no Brasil, o design e tecnologia empregados no Adam faz dele único no mundo entre os robôs com essa finalidade, segundo seu inventor. De acordo com ele, uma nova versão chegará ao mercado em 2021, o “Adam Robô autônomo”, que conversa com as pessoas e realiza os testes sozinho, sem a necessidade de pessoas fazendo sua aplicação.

Nova versão e atualizações

A versão prevista para lançamento foi apresentada em 2018, na “Imagine Cup World”, competição mundial de tecnologia da Microsoft, em que o Adam Robô foi campeão da América Latina, conquistando o segundo lugar entre os melhores do mundo.

+ Saiba como o Pix vai transformar sistema de transferências e pagamentos

+ Vamos Parcelar: uma fintech que revoluciona o mercado de pagamentos

A versão autônoma que participou da competição só funcionava conectada à internet, mas o lançamento oficial em 2021 funcionará também offline para contemplar 30% dos brasileiros que ainda não têm acesso à internet. No mundo, a estimativa cresce para 49%, segundo a ONU.

A equipe que atua na melhoria do produto mapeou e vem desenvolvendo 11 novas atualizações, uma delas lançada na pandemia, o Adam Robô Digital, versão totalmente digital do robô. Em pouco mais de três meses atividade na plataforma, mais de 45 países, em cinco continentes, acessaram a versão disponível em mais de 100 idiomas.

Instituto Mundo Adam e lançamento de livro

Ao iniciar o trabalho com o Adam Robô, seu inventor também colocou em prática o sonho de empregar 1% de toda renda da empresa em trabalhos sociais. A decisão culminou na criação do “Instituto Mundo Adam” que, entre outras ações, doa óculos, consultas médicas e atendimentos com o robô.

O projeto também o levou a escrever um livro para o público jovem “Conquistando o Impossível”. “O objetivo e incentivar a despertar o herói que há dentro de cada um, aplicando ações que vão mudar os jovens não só como pessoas, mas também como agentes de mudança no planeta”, afirma. Com previsão de lançamento para o próximo dia 08 de outubro, Dia Mundial da Visão, o livro será publicado da forma tradicional e também em braile, sistema de escrita tátil utilizado por pessoas cegas ou com baixa visão.